A CONCILIAR – Câmara de Mediação, Conciliação e Arbitragem é uma das instituições mais antiga e atuante do país. Fundada em 2005 por um grupo de empresários e profissionais do direito, visava inicialmente dar uma nova opção ao empresariado uma alternativa para resoluções de conflitos de forma mais célere e técnica, com fundamento na Lei 9.307/96 Lei de Arbitragem.
Desde 2005 a CONCILIAR sempre se empenhou na disseminação dos Métodos Extrajudiciais de Solução de Conflitos (MESCs), uma mudança de cultura nas relações de conflitos empresariais, dando mais segurança ao empreendedor quando busca uma solução dos seus conflitos de maneira rápida, sigilosa e segura nas suas relações comerciais, quer com seus clientes ou com seus fornecedores. Modificando esta cultura do litígio, onde sempre um ganha e outro perde. Nosso objetivo é restaurar o relacionamento entre as partes com a busca da pacificação e entendimento nas relações conflituosas onde há direito patrimonial disponível.
Nosso corpo de árbitros que é formado por profissionais liberais oriundos de meio jurídico, empresarial e do mercado financeiro, que além do aprendizado diário atuando nas matérias (Mediação, Conciliação e Arbitragem) durante todo esse período, onde registramos a solução de milhares de casos, foram capacitados e são certificados como Mediadores pela Escola Paulista da Magistratura como também no Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo em atendimento a Resolução 125/2010 do Conselho Nacional de Justiça, que instituiu a Política Judiciária Nacional de tratamento dos conflitos de interesses, tendente a assegurar a todos o direito à solução dos conflitos por meios adequados à sua natureza e peculiaridade.
A CONCILIAR dentro desta visão, atua divulgando nas instituições de ensino, comerciais e afins, as vantagens em se utilizar a via Jurisdicional Arbitral com a utilização da Convenção Arbitral – “Cláusula Compromissória” nos contratos, antes de ocorrer o litígio ou no “Compromisso Arbitral” após o litígio acontecer, nos contratos e nas relações comerciais em geral. Com as garantias das novas legislações promulgadas que entraram em vigor em 2016, dando mais efetividade aos meios alternativos de resolução de conflitos. O Novo Código Processo Civil – Lei nº 13.105/15, as Alterações na Lei de Arbitragem – Lei nº 13.129/15, e a Lei da Mediação – Lei nº 13.140/15.
Desenvolvemos nesses anos de atividades parcerias e convênios com Instituições, Empresas e Associações criando alternativas de agilizar para seus associados a gestão de suas inadimplências e ou carteiras de crédito inadimplidos em diversas áreas, como; incorporações, construções, administração de condomínio, compra e venda de imóveis, instituições de ensino e comércio em geral.
Após uma parceria de mais de 10 anos a sede administrativa e de atendimento da Conciliar encontra-se instalada no Edifício da ACEO – Associação Comercial e Empresarial de Osasco.
A ACEO entidade que sempre atuou na defesa da livre iniciativa, do empreendedorismo e do desenvolvimento econômico, que tem como missão proporcionar à comunidade de Osasco um ambiente de negócios justo, acessível e favorável a todos e apoiar o crescimento e o desenvolvimento do empresariado, conta atualmente com 2.200 empresas associadas.
Ciente que um número significativo dos seus 2.200 associados, possuem um grande número de clientes negativados, em função de inadimplemento, a ACEO buscando suprir de maneira cada vez mais rápida e satisfatória as necessidades desses associados, ao invés de usar sistemas de cobranças tradicionais inovou criando com a CONCILIAR em 2016 um projeto permanente de CONCILIAÇÃO, visando a recuperação destes clientes inadimplentes através dos métodos alternativos de solução de conflitos.
ONDE A PALAVRA DE ORDEM NÃO É COBRAR, E SIM CONCILIAR AS PARTES.
Com isso, recuperando os créditos inadimplidos para estes associados e devolvendo os clientes inadimplentes ao mercado consumidor, para uma relação de consumo mais sustentável, através de ferramentas informatizadas de controle e contato com os inadimplentes.
Na ACEO, você ou sua empresa, poderá trazer sua carteira de créditos inadimplidos para participar deste projeto de Conciliação e fazendo uma gestão eficiente de sua inadimplência e sem custos iniciais.
DIRETORIA